Atenção ao terminar

Você já reparou no terminar!

Quando você termina uma atividade, uma tarefa, algo que estava fazendo.

Como você termina?

Você está consciente disto?

As vezes a gente permanece atento, concentrado, consciente durante a execução, mas perdemos o foco quando finalizamos. Como se a nossa mente não encontrasse mais motivos para o que estávamos fazendo.

Um exemplo:

  • eu estava digitando um formulário de consumo. Ao final o sistema gera um número que deve ser anotado em um local específico neste formulário.

Eu observei que a cada vez que precisava escrever este código eu ficava procurando a caneta!!!!

Como estou digitando em uma mesa, monitor do computador na frente, teclado, mouse a direita e a caneta tem um espaço bem limitado para ficar e ser utilizada após a digitação, seria lógico que ela estivesse sempre ao meu alcance e no mesmo local.

Mas estranhamente não estava acontecendo isto.

A cada vez que eu tinha que escrever o código eu também tinha que procurar a caneta!

OK, podemos considerar isto uma tentativa de racionalizar o processo todo, otimizar, ganhar tempo na realização da tarefa. Isto e o normal, gosto bastante de fazer coisas bem estruturadas e produtivas.

Mas não foi apenas isto que me chamou a atenção.

O fato interessante que eu observei foi que ao final do processo, clicar, digitar, clicar, ler o código, escrever o mesmo no relatório e………. fim.

Este fim estava errado. A cada vez que eu escrevia o código eu soltava, totalmente inconsciente, a caneta em uma posição qualquer, aleatória, indefinida. Quando surgia o momento de novamente escrever o código eu tinha que procurar a caneta novamente.

Desta observação temos duas possibilidades:

a) em relação ao processo – havia uma falha que reduzia o ritmo do trabalho, provocava uma desconcentração e perda de tempo.

b) em relação a consciência – havia uma falha de percepção. Eu não estava presente. A mente divagava, se perdia em alguma coisa e eu não finalizava o que estava fazendo de forma adequada.

Podemos ampliar, extrapolar esta observação para mais situações em nossa vida:

  • você tem certeza que fechou a porta da sua casa hoje?
  • o vidro da porta traseira do carro estava fechada?
  • onde colocou as chaves do carro?
  • onde colocou as chaves da residência?
  • pagou a conta de luz no dia correto?
  • lembrou de…
  • esqueceu de….
  • sabe aquele branco que ocorre de vez em quando!

 

É uma série de itens que podem ser observados e indicam nosso estado de inconsciência. São momentos que nos desconectamos do Agora e vamos para um improvável futuro ou voltamos para um passado já meio esquecido.

É uma perda de energia, que vai se acumulando ao longo do dia e ao longo da vida.

Vou refazer todo o processo novamente:

  • vou digitar o formulário de consumo. Vou clicar e finalizar, clicar e obter o código, pegar a caneta, escrever no local adequado. E vou soltar a caneta em um local acessível. Pronto, finalizei. Vou para o próximo formulário.

E vou estar atento ao que ocorre comigo durante todos estes movimentos.

Observar e verificar o que ocorre, quando ocorre, quando eu finalizo algo que ainda não acabou.

Observar se estou indo adiante antes do momento certo.

Observar se estou querendo iniciar algo sem finalizar o que está em andamento, se estou querendo queimar etapas.

Observar se o que estou fazendo é algo tão básico que acabo descartando isto inconscientemente.

:>

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s