Iniciação e Auto-iniciação

Uma questão sempre recorrente em Fóruns, Listas de Discussão, Comunidades do Orkut ou mesmo em encontro entre reikianos é a auto-iniciação.

Partindo do pressuposto de que Mikao Usui não foi iniciado muitos argumentam que a prática da iniciação no Reiki é totalmente dispensável.

Temos uma boa notícia e uma má notícia.

A boa notícia é que a iniciação pode ser dispensada realmente.

A má notícia é que isto não é tão simples quanto parece.

Os que argumentam sobre a questão de Mikao não ter sido iniciado se esquecem de muitas coisas importantes, quando não as desconhecem totalmente. Mikao era um monge budista, conhecedor de muitas técnicas do Budismo Esotérico, técnicas que demoram muito tempo para serem apreendidas e desenvolvidas, técnicas que não estão disponíveis para qualquer pessoa.

Estes conhecimentos do Budismo Esotérico são passadas de mestre para discípulo há muito tempo, não é coisa que se encontra na Internet, no Google ou em livros mal traduzidos para o inglês ou muito menos ainda para o português.

Também não são técnicas que se pode aprender em um curso de final de semana, praticar uma vez ou duas e depois esquecê-las.

Assim, esta complexidade impede que uma pessoa simplesmente de auto-inicie.

Infelizmente não basta obter um manual de mestre em Reiki, com os passos para a iniciação, reproduzi-los em casa e pensar que se tornará um reikiano. Esta é a má notícia.

Infelizmente até livros foram editados ensinando pessoas desavisadas, inocentes em alguns casos e mesmo alguns espertalhões em outros, como se auto-iniciar. Na Internet tem sites e blogs apregoando a mesma coisa, tem pessoas que aprendem a manipular a energia pessoal, o próprio Ki, ou mesmo a energia universal, que está disponível para todos os seres, e a consideram que são reikianas.

É um perigo que este tipo de informação seja veiculada. Perigo porque as pessoas estão se enganando a respeito de algo irreal, estão enganando outras pessoas, e se continuarem a usar o próprio Ki acabarão adoecendo por se desgastarem excessivamente.

Alguns podem argumentar que usa o próprio Ki, a sua própria energia, é um fato corriqueiro e que não causa tanto mal. Dependendo da situação sim, mas a medida em que a pessoa acredita na mentira que criou ela começa a extrapolar estas situações normais e cotidianas. Acaba propagando o erro. Então não são apenas algumas pessoas fazendo experiências com energia ou com técnicas de cura, o engano acaba se multiplicando e muitos desavisados podem ser prejudicados.

É uma questão bem séria que deve ser considerada com atenção.

Eu afirmei que a auto-iniciação é possível. Sim é, mas leva um tempo excessivamente longo, requer uma disciplina que a maioria de nós ocidentais não tem como manter e também o acesso a conhecimentos e técnicas que não estão disponíveis para qualquer interessado.

Exige realmente um investimento considerável de tempo, dinheiro e energia pessoal.

Por isto, eu afirmo, não se deixem levar por anúncios e ideias mirabolantes. Procure um mestre em Reiki e faça a sua iniciação de forma correta. E aproveite os benefícios, imensos, que o Reiki pode oferecer.

Por outro lado, argumentos contrários a iniciação através de um mestre são tão poucos e praticamente irrelevantes.

Se você não tem acesso a um mestre presencialmente, procure um que faça iniciações a distância. Funcionam da mesma forma e podem ser muito adequado a diversas realidades dos reikianos.

Se o argumento é o custo além de se encontrar mestres que façam iniciações sem cobrar nada o valor atual de uma iniciação é praticamente irrisório frente aos benefícios que se obtém com o Reiki.

Para finalizar, quando encontrar pessoas comentando sobre formas de auto-iniciação questione sobre o processo. Não aceite a possibilidade apenas por algum testemunho equivocado. Procure se informar mais antes de fazer algo que possa ser prejudicial a si mesmo.

Anúncios

3 comentários sobre “Iniciação e Auto-iniciação

  1. Ótimas considerações a respeito da seriedade com a qual deve-se levar a energia, as práticas e em especial as iniciações. Grata pela síntese. Erica Tatto

    Curtir

  2. É gratificante saber que ainda há pessoas comprometidas com o desenvolvimento espiritual do outro, e não, simplesmente querendo induzir à sua verdade.
    Parabéns!
    _/\_ Antar

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s