Yin e Yang

A polaridade Yin e Yang manifesta-se em todos os âmbitos da vida, em inúmeras variações. Porém, o espírito humano pode concebê-la melhor no exemplo do relacionamento do homem e mulher.

Contrariamente ao modo de pensar usualmente rígido do Ocidente, no Yin e Yang exite uma relação dinâmica, em contínua mutuação. A ligação entre homem e mulher não é determinada por formas rígidas, porém traz novas surpresas a cada dia. Não se atua segundo um papel estereotipado, o que é muito bem explicado no conhecido símbolo yin-yang: onde cada um dos elementos contém o gérmen do outro, na forma do ponto claro e escuro. Ambos os elementos são unidos em uma dança dinâmica. Talvez hoje o elemento Yin esteja em evidência, mas amanhã pode preponderar a característica Yang.

O quadro abaixo mostra uma divisão relativa do conceito:

Yang

Yin

ExteriorMasculinopaicéu

deus-pai

Sol

consciente

compreensão

lógica

eu, ego

condição desperta

espírito

cabeça

lado direito do corpo

lado esquerda do cérebro

espírito

forma

ideal

teoria

absoluto

ter

atividade

tensão

elevação (visível)

luz

voltado para o exterior

decidido, desperto

dominante, manipulador

considera as novidades

voltado para o conflito e o risco

só, isolado

 

 


inimigo da natureza

gasta energia

construtivo ou destrutivo

abstrato, ordenado, sóbrio

governo

direita política

autoridade, hierarquia

propriedade privada

patriarcado

 

InteriorFemininomãeterra

mãe-terra

Lua

inconsciente

sentimento

intuição

eu interior

condição de sonho

corpo

coração

lado esquerdo do corpo

lado direito do cérebro

matéria

conteúdo

realidade

prática

relativo

ser

repouso

relaxamento

profundidade (invisível)

escuridão

voltado para o interior

segue o fluxo da vida

em harmonia com a vida

segue os costumes

evita o perigo

pacífico, sociável, atraído pela comunidade

 

amigo da natureza

economiza energia

cura e preserva

orgânico, fluente, misterioso

oposição

esquerda política

igualdade, trabalho em conjunto

propriedade comunitária

ordem social matriarcal

 

Extraído do Livro: Yin-Yang Polaridade e harmonia em nossa vida. Christopher Markert. Cultrix, 1983. Páginas 39 e 40.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s