Quem pode se iniciar em Magnified Healing

Qualquer pessoa pode fazer uma iniciação em Magnified Healing (MH). Também aqui, como no Reiki, não há nenhuma restrições para este momento tão especial.

Kwan Yin pede apenas que se respeite uma idade mínima, 14 anos, pois como a técnica do MH trabalha com carma é preciso que as pessoas tenham um certo tempo para adquirirem carma nesta vida atual.

Aqui também vale a questão do nível de consciência da pessoa que será iniciada. Precisamos também levar em consideração que a iniciação é para a vida toda e que não se pode voltar a trás no processo é importante que a pessoa esteja determinada a se iniciar e que isto não vá gerar posteriormente algum arrependimento. Assim uma criança muitas vezes não tem noção da amplitude da sua ação, bem como alguns adultos que não estão em plena posse de suas faculdades mentais também precisam ser cuidadosos neste momento.

De forma idêntica ao Reiki eu não vejo nenhuma possibilidade do MH causar algum tipo de mal para o iniciado, mas a capacidade de lidar mais conscientemente com os seus problemas, que é um fator que advém da iniciação, pode causar dificuldades em pessoas que não estão acostumadas com isto.

Fora destas considerações existe apenas o medo, o receio, o desconhecimento a respeito da técnica que pode causar alguma confusão nas pessoas.

A abertura do chakra cardíaco, já que o amor e a ação compassiva são o foco do MH, provoca uma mudança na forma de ser de muitas pessoas. Para muitos de nós, acostumados a cuidar apenas de nosso umbigo a percepção da interligação que existe entre todos os seres da criação é um ponto gerador de instabilidade.

Poucas pessoas chegam ao MH e estão preparadas para o trabalho que a iniciação promove, em contrapartida muitas pessoas se dedicam ao Reiki e a outras técnicas. Esta relação é diretamente relacionada com o desenvolvimento da consciência das pessoas. Já que abrir espaço em nossas vidas para ficar atento as necessidades dos outros não é algo que se possa lidar com facilidade. No máximo nos preocupamos com o nosso núcleo familiar mais próximo, pai, mãe e filhos. Para muitos o restante dos seres humanos parece habitar algum local distante e remoto, com o qual não temos nenhuma responsabilidade ou ligação. É um grande engano, mas compreensível. Principalmente pela amada Kwan Yin, em seu imenso amor e compaixão por todos os seres do mundo ela não se permite este tipo de sentimento, segue confiando que cada um de nós terá o seu momento especial de mudança e, com todo a certeza, ela estará lá para nos auxiliar e amparar.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s